terça-feira, 4 de agosto de 2009

Sorte? Será que ela existe...



Investigação na Caixa Econômica Federal por fraudes e lavagem de dinheiro
http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2007/05/380893.shtml
03/05/2007 às 13:14

Caixa Econômica na mira da polícia Federal e Senado.
Segundo relatório sigiloso do COAF(conselho de atividades financeiras),apresentado pelo Senador Álvaro Dias(PSDB-PR)ao Senado Federal no dia 26/02/2007, funcionários da Caixa Econômica, políticos e empresários, estão envolvidos no maior esquema de lavagem de dinheiro do narcotráfico e do crime organizado que se tem notícia no Brasil.
Um grupo de 200 pessoas acertou 9095 vezes nas loterias da Caixa entre março de 1996 e fevereiro de 2002, isso sem falar, em pelo menos mais 50 casos suspeitos, ainda sendo investigados pela Polícia Federal.
O delegado Luiz Ozilak, teve sua prisão decretada por tráfico internacional de drogas, caso de abril de 2001, onde caiu uma aeronave com cerca de 600kg de cocaína na Amazônia Legal. O mesmo acertou PASMEM: 17 vezes na MEGA-SENA. Um tremendo sortudo!

O deputado Federal Francisco Garcia Rodrigues(PP-AM)e seu filho, acertaram 43 vezes em 21 jogos diferentes entre 1996 e 2000. É muita sorte!
O deputado Fernando Lima Giácobo(PL-PR), acertou 12 vezes em 8 jogos num único reduzido espaço de tempo: 5 a 19 de junho de 1997, parece piada. Giácobo acertou três concursos seguidos da Mega-Sena, e em dois seguidos da Quina, concursos 305 e 306. -Queria eu ter tamanha sorte!
O deputado João Alves(aquele famoso sortudo), acertou só 100 vezes na Mega-Sena, tudo comprovado à Justiça, através de cópia dos bilhetes premiados,Ha!Ha!Ha!
O empresário Amauri Gouveia, acertou 96 concursos da Quina, 33 da Mega-Sena, 25 da Loteria Federal e 9 da Loteria Esportiva. -Um verdadeiro campeão!
Vitório Basso, outro sortudo, sacou 17 prêmios de várias loterias num mesmo dia, cerca de 4 milhões de reais.

O senhor Manoel dos Santos Sá, ganhou nos últimos 5 anos 206 vezes em sete modalidades diferentes, totalizando 1,2 milhão de reais.
Marco Trofo, teria ganho 327 pêmios, num total de 1,6 milhão.
Agora o maior fenômeno das Loterias: suposto político, investigado em sigilo pela Polícia Federal,teria acertado (525) concursos, isso mesmo!, sendo 107 prêmios pequenos em um único dia. Este realmente nasceu com aquilo virado para a Lua!
Segundo a Polícia Federal, o esquema funciona assim: O criminoso interessado deposita o valor que ele pretende lavar, e com a ajuda de funcionários da Caixa, recebe o dinheiro(limpo)sendo que o verdadeiro premiado recebe o dinheiro(sujo)oriundo do narcotráfico,obras superfaturadas e crime organizado.O funcionário paga o ganhador com o dinheiro do esquema, não dá baixa no bilhete premiado, e o entrega ao criminoso para que o mesmo saque o dinheiro limpinho, limpinho.
Outro esquema de fraude veiculado na Internet e meios de comunicação ano passado, afirmava que o peso das bolinhas dos sorteios, eram diferentes,fraudando assim os principais prêmios da Mega-Sena e outras modalidades de jogos.

Tudo isto, divulgado novamente nos principais meios de comunicação,do dia 26 de fevereiro,na Folha de São Paulo, Estado de São Paulo, Jornal Nacional e da Globo, além da Internet e outros meios de comunicação, indicando que estamos diante de um grande escândalo no cenário nacional. Tais denúncias não são de hoje, ou seja, o próprio Senador Álvaro Dias vem pedindo há muito tempo uma devassa na Caixa Econômica Federal,mas por diversas vezes, não obteve sucesso.
Esperamos que agora, as coisas andem com a celeridade necessária, ou talvez continuem escondidas debaixo do tapete com se é de costume no Brasil, pois já estamos no mês de maio e não se fala mais no assunto. O próprio pedido de uma CPI já minguou no Senado e ninguém mais comenta o fato.
-----------

Como diria minha vó (D. Adélia): "é o fim da picada!"

Ai fica difícil acreditar na sorte, prefiro acreditar no trabalho.
Infelismente a sujeira parece não ter fim neste país!!

---------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário